Portal de Encruzilhada - Sua fonte de notícias na cidade de ...

Sabado, 18 de Maio de 2024
IMAGENS DE SATÉLITE MOSTRAM VÓRTICE CICLÔNICO NO SUL DO BRASIL

Clima

IMAGENS DE SATÉLITE MOSTRAM VÓRTICE CICLÔNICO NO SUL DO BRASIL

Centro de baixa pressão cruzou a Região Sul de Oeste para Leste na quarta com chuva e causou tempestade de granizo em São Paulo

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Imagens de satélite chamavam a atenção dos meteorologistas nas últimas horas pela presença de um vórtice ciclônico sobre o Sul do Brasil. A área de baixa pressão cruzou a região de Oeste para Leste entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, produzindo instabilidade na forma de chuva e temporais isolados.

A imagem do canal de vapor d´água do satélite meteorológico GOES-16 da NOAA e NASA do começo da madrugada desta quinta-feira mostrava o centro do vórtice ciclônico entre o Nordeste do Rio Grande do Sul e o Leste de Santa Catarina.

A área de baixa pressão no final da madrugada já estava sobre o mar e se afasta do continente ao longo do dia, assim que os seus efeitos tendem a gradualmente diminuir e cessar no tempo do Sul do Brasil ao longo desta sexta-feira.

Por isso, o sol aparece com nuvens na maior parte do Rio Grande do Sul nesta quinta, entretanto com períodos de maior nebulosidade. Pode ainda ter garoa ou chuva leve em pontos da Metade Leste, sobretudo na primeira metade do dia, incluindo a região da capital.

Publicidade

Leia Também:

O dia começa ameno e com neblina ou nevoeiro em alguns locais, mas com a presença do sol aquece e a tarde será um pouco abafada com máximas perto ou acima de 25ºC na maioria das cidades gaúchas, inclusive na Grande Porto Alegre.

Este vórtice ciclônico trouxe chuva durante a quinta-feira para todas as regiões do Rio Grande do Sul e ainda em Santa Catarina e no Paraná. Entre as estações do Instituto Nacional de Meteorologia no estado gaúcho, a que teve mais chuva foi a de Santa Rosa com 42 mm. Em Porto Alegre, a precipitação somou 20 mm.

No Paraná, até a madrugada desta sexta, pela rede oficial de estações, choveu mais de 50 mm em diversos municípios com acumulados de 66 mm em Ivaí, 63 mm em Morretes, 55 mm em Colombo, 52 mm em Laranjeiras do Sul e 51 mm em Campina da Lagoa. Caiu granizo em algumas cidades paranaenses.

A interação da umidade do vórtice ciclônico com o ar quente sobre o estado de São Paulo foi a responsável por impressionantes tempestades de granizo com grande acumulação de gelo na região de Marília no final da tarde da quinta-feira.

 

O granizo atingiu ainda as cidades de Santa Bárbara d’Oeste, Sumaré, Campinas, Hortolândia e Artur Nogueira. A Defesa Civil não informou danos, embora as impressionantes imagens do granizo cobrindo a estrada e a paisagem na área de Limeira.

FONTE/CRÉDITOS: MetSul Metereologia
FONTE/CRÉDITOS (IMAGEM DE CAPA): MetSul Metereologia
Comentários:
Portal de Encruzilhada
Portal de Encruzilhada

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!