Portal de Encruzilhada - Sua fonte de notícias na cidade de ...

Terça-feira, 21 de Maio de 2024
Vira-lata adotado por hospital leva alegria a pacientes e funcionários

Só Noticia Boa

Vira-lata adotado por hospital leva alegria a pacientes e funcionários

O vira-lata Ademar foi adotado pelo Hospital Dia Cidade Ademar, na Zona Sul de São Paulo, e se tornou o primeiro cachorro hospitalar da rede municipal de saúde da cidade.

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Ademar, um vira-lata, foi adotado por um hospital e se tornou o primeiro cachorro hospitalar municipal em São Paulo. Todo charmoso, ele ganhou uma missão: fazer companhia, alegrar e participar do dia a dia dos pacientes do Hospital Dia Cidade Ademar.

O cãozinho recebeu até um crachá funcional e adestramento específico para a função. Muito chique! E a presença do doguinho tem trazido resultados positivos tanto para os pacientes, quanto para os colaboradores.

“Sempre que ele percorre os corredores é uma alegria, as pessoas param para fazer carinho nele, abraçá-lo. É evidente o quanto faz bem a todos”, contou Ronald Maia, médico e gestor do hospital.

Publicidade

Leia Também:

Como foi adotado

O vira-lata ficava na frente do hospital e foi difícil para os funcionários resistir aos encantos do doguinho. Todo mundo cuidava dele!

Até que em janeiro deste ano resolveram adotar o Ademar, que tinha mais ou menos um ano.

Agora, ele ganhou não só um lar, mas também um emprego! Vê se pode?

Cão treinado

Mas antes de tomar posse da função, Ademar teve que passar por um treinamento especializado para interagir com pacientes e colaboradores.

Foram 8 meses de treino com o instrutor Dalton Gameleira até ele ficar apto para o trabalho.

“O adestramento é para poder se comportar dentro do ambiente hospitalar, já que é um filhote e cheio de energia”, explicou o médico.

Rotina de trabalho

Ademar fica quase o dia todo na área externa do hospital, onde todos podem interagir, fazer um carinho, e os funcionários passeiam com ele em alguns momentos para poder se distrair.

Ele também faz visitas ao ambulatório sempre acompanhando e diverte todo mundo! O cãozinho anda trabalhando tão bem que já já recebe um aumento de salário. (rs)

“Nosso pet tem feito a diferença nos dias por aqui, transformou o ambiente, trouxe uma sensação de pertencimento a esse lugar”, compartilhou o Ronald.

Só tem benefícios!

A presença de um amigão de quatro patas no ambiente hospitalar não é só fofura, é terapia instantânea. Ajuda a reduzir o estresse, promover a interação social e criar um ambiente mais acolhedor.

E o Ademar, nosso astro canino, tá fazendo bonito nesse papel.

“Nosso objetivo foi alcançado, a humanização nesse caso beneficia pacientes e colaboradores”, comemorou o gestor.

E olha só, o vira-lata está todo no clima festivo! Durante o mês de dezembro está usando um gorro de Papai Noel, e já confirmou presença no Natal do hospital. É ou não é o cão mais fofo da cidade?

Cinoterapia está prevista em lei

A cinoterapia, conhecida como terapia com cães, tem respaldo legal na cidade pela lei municipal nº 16.827/2018.

O projeto já passou pelo crivo da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e do INTS, garantindo que a cinoterapia seja reconhecida e segura nos hospitais.

Também já está sendo adotada com sucesso no Hospital do Servidor Público Municipal (HSPM). A iniciativa é resultado de uma parceria com a Guarda Civil Metropolitana (GCM), em alguns dias por mês e datas comemorativas.

A GCM “empresta” seus cães para interagirem com pacientes oncológicos e idosos na unidade de saúde da Prefeitura de São Paulo. É um verdadeiro show de afeto!

FONTE/CRÉDITOS: Só Noticia Boa
FONTE/CRÉDITOS (IMAGEM DE CAPA): Prefeitura de São Paulo
Comentários:
Portal de Encruzilhada
Portal de Encruzilhada

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!